Checklist Fácil, avaliada em R$46 milhões, foi adquirida pela empresa catarinense Softplan

Compartilhe:

A Checklist Fácil, avaliada em R$46 milhões, foi adquirida pela Softplan, empresa catarinense desenvolvedora de softwares. Com a aquisição, uma das expectativas é que a startup possa ajudar a ampliar o portfólio de clientes em mercados complementares. A Checklist Fácil é dona de um software de criação e aplicação de checklists, auditorias, inspeções e planos de ação. Atualmente, possui clientes como Ambev, Natura e Unilever e opera em 14 países.

Em 2021, a Softplan lançou uma área específica para a busca de soluções que a ajudassem a complementar o portfólio de produtos digitais, e a Checklist Fácil foi a primeira aquisição da empresa a partir desse lançamento.

A conexão começou no final de 2019. Na época, o CEO da Checklist Fácil, Rafael Zambelli, estava em busca de parcerias na área da inovação e entrou em contato com Guilherme Tossulino, diretor da área de Inovação, Fusões e Aquisições da Softplan.

“O intuito da reunião era falar sobre o mercado de inovação. Na ocasião, apresentei os nossos números e, na hora, ele se interessou. Com isso, mudamos o tema da conversa para uma possível parceria”, conta Zambelli.

Segundo Guilherme Tossulino, o primeiro objetivo da aproximação é estruturar a máquina de vendas da startup para as áreas de atuação da Softplan (gestão pública, justiça e indústria da construção). “Vamos trabalhar para ajudar a Checklist Fácil a dar seus próximos passos de maneira mais sólida, com a prestação de consultoria interna de negócios e competências”, explica.

Agora que a empresa catarinense passa a ser a detentora de 51% das cotas da startup, algumas mudanças estão previstas. Uma delas é a entrada de Diego Marafon, que até então integrava o time de inovação da Softplan, para o cargo de diretor de operações da Checklist Fácil. Também será formado um conselho para debater indicadores e estratégias da parceria, com o intuito de fortalecer a operação.

Sobre a Checklist Fácil

A Checklist Fácil nasceu em 2018, quando Rafael Zambelli e seus sócios Raul Zambelli e Maurício Fragoso reestruturaram a startup que possuíam para focar no sistema de checklist eletrônico desenvolvido em 2013 para um cliente específico.

Segundo a startup, a partir dessa alteração, o empreendimento começou a apresentar um rápido desenvolvimento. Em 2020, a Checklist Fácil participou do ciclo de aceleração 20.1 do programa InovAtiva Brasil e foi eleita destaque na área de Tecnologia da Informação e Comunicação. Além disso, registrou aumento de 20% em seu faturamento em relação ao ano anterior.